2015 parece não estar sendo um bom ano para a Gameloft, empresa conhecida principalmente por seus jogos mobile. Somente este ano, a companhia fechou sete de seus estúdios por considerar que eles não se mostravam capazes de trazer o lucro esperado.

O fim das equipes é parte do que o CEO Michel Guillemot chamou de um “ambicioso programa de redução de custos”. Somente no primeiro semestre de 2015, a companhia registrou perdas de 16,6 milhões de euros, valor substancialmente maior do que os 100 mil euros que a empresa perdeu no mesmo período do ano passado — o resultado negativo veio mesmo com um aumento de 15% nas vendas, que chegaram a 127,4 milhões de euros.

“Essa perda na primeira metade do ano se deve à sazonalidade de nosso negócio assim como a níveis desapontadores de vendas de três jogos desenvolvidos pela Gameloft especificamente para os mercados do Japão e da China”, explicou Guillemot em um pronunciamento oficial.

A companhia não especificou quais estúdios foram fechados, mas a decisão não pode ser considerada exatamente uma surpresa. A companhia deu poucos esclarecimentos sobre o fechamento de sua sede em Nova Iorque ocorrido em julho deste ano ou sobre o rumor de que 80 de seus funcionários em Tóquio haviam sido dispensados recentemente.

Via Baixaki Jogos.

Cupons de desconto TecMundo: