A biblioteca de jogos da App Store sempre foi inquestionavelmente a mais rica do mercado de smartphones. Referência na indústria, a quantidade de jogos que querem arrancar uma casquinha do iPhone é cada vez mais homérica – mas assim, incontrolavelmente homérica. O último gráfico levantado pelo Pocketgamer traz números embasbacantes: só em fevereiro deste ano, exatamente 11,414 foram inscritos à Apple para lançamento.

Mas calma: no mês anterior, isto é, janeiro, o número foi maior ainda, 12,035. Quer mais? Em dezembro do ano passado, a quantidade chegou a 13,002. Isso representa centenas, centenas e centenas de jogos por dia. Milhares por mês. Montanhas por ano.

Android também não escapa

Os números para Android não ficam muito atrás. A quantidade não é tão absurda quanto o volume que chega à App Store, mas também vive na casa dos 5 a 10 mil apps por mês. 

Mas o campeão é a App Store. Muitos dos jogos, ressalte-se, nunca chegam à loja virtual da Apple por uma série de razões. Alguns são classificados como inapropriados, outros estão cheio de bugs e muitos simplesmente não funcionam – mas ainda assim há muita coisa ruim entrando no serviço.

O app do Baixaki ajuda a filtrar isso, sabia?

Se você ainda não conhece o aplicativo do Baixaki, saiba que ele tenta justamente fazer um filtro nas lojas para selecionar os itens mais bacanas de acordo com o perfil do usuário. Clique aqui conferir a página do Baixaki sobre o aplicativo.

Como consumidor, você possivelmente nem nota isso.  A preocupação se resume a abrir a App Store e se deparar com uma série de novos ícones e conteúdos, muitos dos quais acabam passando batidos aos olhos. Você acaba filtrando sua decisão com base em uma série de fatores: avaliação de outros usuários, notas, imagens e vídeos de divulgação etc.

O que ninguém nota, no entanto, é o conteúdo que está faltando nessas páginas, e essa é a grande pedra no sapato dos desenvolvedores que não são sortudos o bastante para conseguirem seu lugarzinho ao sol na página principal da Apple. Em outras palavras, os apps desses caras precisam ser “descobertos” devido à falta de promoção da Apple. É como achar diamante num lamaçal gigante.

Boa sorte ao encontrar algo bom no meio disso aí

É nesses cantinhos escuros que pode se esconder uma grande proposta. Aí alguém descobre, comenta com fulano, que comenta com beltrano que comenta com todo mundo e transforma o jogo num viral revolucionário. Mas até achar esse “diamante”, quantas outras porcarias precisam ser testadas? Às vezes é como achar agulha em palheiro, é loteria. É como achar um diamante no meio desse lamaçal/riacho sujo da foto acima...

Cupons de desconto TecMundo: