Pelo visto o ano não começou muito bem para a Electronic Arts – ao menos é dessa forma que podemos considerar o fato de a empresa ter se tornado alvo de uma ação movida pela companhia americana White Knuckle LLC, que alega que a casa de séries como NCAA Football e Tiger Woods PGA Tour está usando uma de suas patentes. 

De acordo com as informações divulgadas, a White Knuckle LLC decidiu mover uma ação contra a Electronic Arts por esta usar um sistema que atualiza seus jogos com estatísticas e características reais, alterando atributos de jogadores e até mesmo as condições de estádios sempre que algo acontece – patente que foi enviada para registro no já longínquo ano de 2002. 

No processo, a empresa que fez a queixa menciona que, por conta do uso indevido dessa tecnologia, quer uma parte dos lucros obtidos nas vendas dos jogos NCAA Football 10, NCAA Football 12, NCAA Football 13, NCAA Football 14, Tiger Woods PGA Tour 10, Tiger Woods PGA Tour 11, Tiger Woods PGA Tour 12, Tiger Woods PGA Tour 13 e Tiger Woods PGA Tour 14, além do ressarcimento de gastos com advogados e o uso de mecanismos que impeçam a Electronic Arts de usar esse recurso posteriormente (a menos, claro, que ela pague para a outra companhia). 

 Comunicação 

Segundo o site da revista Game Informer, que conseguiu falar com Andrew Hansen, advogado associado à White Knuckle LCC na função de conselheiro, a Electronic Arts sabia da existência da empresa (a patente, na verdade, é da White Knuckle IP, empresa associada à reclamante e que tinha como função licenciar a tecnologia para a EA), já que recebeu diversas cartas solicitando algum tipo de contato e o pagamento pelo uso das funcionalidades – porém, elas foram ignoradas. 

Procurada pela equipe do site, a Electronic Arts se recusou a fazer qualquer tipo de comentário sobre o assunto.

Cupons de desconto TecMundo: