Um estudo conduzido pela Universidade de Ryerson (Toronto, Canadá) sugere que adolescentes de bom-humor e que jogam video games tendem a comer menos. A constatação foi feita por Nick Bellissimo, professor de nutrição do centro de pesquisas canadense. De acordo com a pesquisa, garotos que gastam meia hora junto a plataformas de entretenimento podem consumir até 50 calorias a menos do que aqueles que jogam coisa alguma.

Os testes foram realizados com dois grupos de garotos entre as idades de 9 e 14 anos; todos eles, importante dizer, estavam dentro dos padrões do que se considera saudável. Depois de jogar Angry Birds por 30 minutos e então se sujeitar a uma refeição, a equipe de gamers comeu menos quando comparada ao grupo que não disparou pássaros furiosos em telas touch. “A descoberta é que menos energia será gasta por pessoas que jogam antes de refeições”, diz Bellissimo.

A intenção do estudo desenvolvido é acalorar as discussões sobre “as horas que jovens gastam em frente às telas”. Também conforme constatado pelo pesquisador, quem chegou mais feliz à sessão de testes e estava de bom-humor comeu menos após jogar Angry Birds (outros títulos, vale mencionar, são aparentemente capazes de gerar efeitos semelhantes). “Se você está de bom-humor e/ou joga video games, parece que o consumo exagerado de comida é evitado”, ressalta também Bellissimo.

Os experimentos executados pelo estudioso fazem parte de uma série de pesquisas que colocam em xeque os hábitos alimentares de jovens e os efeitos gerados pelas horas gastas em frente à tela. Futuramente, Bellissimo pretende abordar “jogos mais animados, que podem desencadear um espectro mais amplo de emoções” para analisar quais impactos estes gêneros de games são capazes de gerar.

Cupons de desconto TecMundo: