Estádios cheios de pessoas prontas para acompanhar as mais diversas competições, jogadores que passam por rotinas de treinamento e partidas em chaves com direito a eliminatórias compõem o cenário do eSport. Porém, John Skipper, presidente da ESPN, diz que isso ainda não faz da categoria um esporte. 

“Não é um esporte. É uma competição. Xadrez é uma competição. Damas é uma competição. Estou interessado em lidar com esportes reais”, comentou Skipper. A opinião foi dada em uma entrevista na conferência Code/Media Series: New York, organizada pelo site re/code, após o executivo ser questionado sobre a recente aquisição do Twitch pela Amazon e, possivelmente, o interesse da ESPN em apostar nessa opção. 

Mesmo com essa opinião, vale lembrar que, em julho, a ESPN e a Valve se uniram para realizar a transmissão do The International 2014, o campeonato mundial de DotA 2. As rodadas foram exibidas no ESPN3, que é um serviço de streaming e não um canal propriamente dito. 

Um dado curioso é que a emissora é conhecida por transmitir torneios de pôquer – sendo assim, não faria muito sentido descartar as opções supracitadas, não é mesmo?

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: