O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ) vai oferecer o curso de graduação em Jogos Digitais, o primeiro do gênero a ser implementado por uma instituição pública federal no Brasil. O curso será oferecido pelo campus de Eng. Paulo de Frontin (RJ), cidade localizada a 90 km da capital bastante popular por se destacar como produtora de softwares, jogos digitais e tecnologias de informação e comunicação.

O lançamento do curso visa colocar em xeque o fenômeno conhecido como “fuga de cérebros” – por não encontrarem condições adequadas de desenvolvimento e estímulo intelectual no Brasil, jovens acabam migrando para outros países. “Para mudar este quadro, precisamos formar profissionais para que, em vez de exportar nossos poucos artistas do universo digital, possamos retê-los, aumentando e diversificando não apenas nosso mercado doméstico, mas fortalecendo nossa pauta de exportação de produtos e serviços nesta área da economia”, salienta Rodney Albuquerque, diretor do campus de Eng. Paulo de Frontin.

Seis períodos compõem a grade do curso.

Além de visar consolidar a formação de um mercado profissional de especialistas em jogos digitais, estimular a perspectiva de verticalidade é outro dos objetivos almejados pela IFRJ. Em suma, significa que estudantes poderão dar prosseguimento às suas especializações sem a necessidade de se “mudar de eixo” e que o aluno poderá entrar no campus por meio de um dos cursos FIC, passar pela formação de Técnico em Informática para Internet e seguir rumo ao curso superior de Jogos Digitais. Esta possibilidade “coloca a autoestima de nossa população e de nossa comunidade acadêmica para cima. É um curso muito esperado por nossos alunos”, comenta também o diretor.

Grade curricular

Realizado às custas de diversas audiências públicas e pensado de modo pormenorizado, o design curricular do curso de Jogos Digitais mostra-se de fato auspicioso. Acontece que cada um dos seis períodos letivos vai dedicar esforços à análise de um tema específico; veja o que os estudantes vão analisar em cada um dos períodos:

  • Jogos em 2D
  • Jogos em 3D
  • Jogos em Rede
  • Jogos para Consoles
  • Jogos para Dispositivos Móveis
  • Jogos para TV Digital

Até mesmo jogos para mobiles serão estudados pelos alunos.

O título de Tecnólogo em Jogos Digitais será conquistado por quem ingressar neste novo e promissor curso; naturalmente, especializações poderão ser feitas pelos formados (programação de jogos digitais, game designer, artista gráfico ou músico digital, por exemplo, são algumas das pós-graduações disponíveis a estes futuros profissionais). Inicialmente, 35 vagas para o período matutino serão disponibilizadas (as aulas deverão começar já neste segundo semestre). As inscrições serão realizadas mediante processo seletivo especial baseado na nota do ENEM; um edital será em breve divulgado (saiba mais sobre o curso aqui). 

Cupons de desconto TecMundo: