O Xbox One já entrou em pré-venda em diversos países, inclusive no Brasil. Desde o último dia 26, é possível reservar o seu console e garantir uma conquista exclusiva.

O custo do console não é dos mais acessíveis, principalmente por se tratar de um lançamento de um novo video game que, como sabemos, costuma não sair muito barato no lançamento, pelo menos aqui no Brasil.

Nós elaboramos uma tabela comparativa que mostra, em detalhes, o chamado “custo Brasil” que recai sobre os eletrônicos. O mesmo aparelho, que custa R$ 2.199 no nosso país, pode ser adquirido no Canadá por R$ 1.043. Ou seja, você pode comprar dois aparelhos pelo preço de um, e ainda sobra dinheiro para comprar mais um controle ou alguns jogos.

No restante do mundo essa diferença não chega a 50%, mas também é grande. Na Europa, por exemplo, a média de preço é de R$ 1.400. Nos Estados Unidos, o país de origem do Xbox One, ele será vendido por US$ 500 dólares, ou R$ 1.092.

(Fonte da imagem: Divulgação/Microsoft)

Essa não é a primeira vez que um produto eletrônico vendido no Brasil é o mais caro do mundo. Mais cedo, nós também mostramos que somos os “felizes” proprietários do iPad mini mais caro de todos. Mesmo que a disparidade de preços não seja tão grande quanto os do Xbox, é possível ver como o valor dos eletrônicos é distorcido no nosso país.

A Sony já deu indícios de que deseja trazer o PlayStation 4 ao Brasil por R$ 1 mil, o que faria com que o preço dele ficasse próximo ao do resto do mundo (nos Estados Unidos ele será vendido por US$ 399, ou R$ 870).

Será que a Sony vai conseguir?

Cupons de desconto TecMundo: