(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

O ano fiscal de 2012 terminou para a Sony no último dia 31 de março. Porém, diferente da última previsão de faturamento anual, a empresa deve lucrar 40 bilhões de ienes (403 milhões de dólares), em vez de apenas 20: simplesmente dobrou o valor – vale lembrar que estamos falando a companhia inteira, não apenas do setor relacionado aos video games. Mas qual foi a razão para uma mudança tão drástica nos valores faturados pela empresa no ano?

O primeiro motivo foi Shinzo Abe ter assumido o cargo de primeiro-ministro do Japão e adotar uma nova política econômica. Com ela, o Banco do Japão vai injetar 1,4 trilhões de ienes na economia ao longo dos próximos dois anos. Dessa forma, como tende a acontecer quando muito dinheiro é impresso, o valor da moeda nipônica caiu 15% em relação ao dólar. Então, parte da mágica por trás desse lucro está no fato de a maior parte das vendas da Sony acontecer fora do país.

(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

Com a moeda japonesa desvalorizada, as ações da empresa subiram e suas vendas ajudaram a aumentar o lucro anual. Não apenas isso, mas bastou enviar mais dinheiro da sede norte-americana para o Japão que o valor convertido fez o rendimento aumentar como num passe de mágica. Além disso, as demais razões se devem à venda de ativos financeiros da empresa, bem como do imóvel onde ficava o seu quartel-general dos EUA, em Nova York, e da rede de prédios Sony City Osaki, em Tóquio.

O relatório detalhada sobre o faturamento anual da Sony será divulgado no dia 9 de maio.

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: