No dia 15 de novembro de 2002, era lançada a Xbox LIVE, apenas um ano após o lançamento do primeiro console da Microsoft. Dez anos depois, o serviço passou de uma simples comunidade de jogadores para uma central de entretenimento completa que oferece games, música, filmes e muito mais.

Apesar de ser considerado pioneiro, o serviço da Microsoft não foi a primeira iniciativa de jogos online. A primeira tentativa séria partiu da SEGA, com seu finado Dreamcast. Na época, não funcionou muito bem, talvez por ter sido mal projetado.

Sorte (e talento) da Microsoft, que investiu pesado na LIVE e conseguiu transformar o serviço no gigante que ele é até hoje, mesmo que tenha cobrado pelo uso desde o início — medida que ainda é criticada por algumas pessoas.

A aposta da empresa foi alta. Mesmo que tenha vislumbrado que o futuro dos consoles seriam os jogos online, na época ainda era um negócio arriscado. Para sorte dela (e nossa), o projeto foi muito bem executado e se mostrou um sucesso absoluto dois anos depois do seu lançamento, quando Halo 2 chegou ao mercado.

Hoje, todos nós sabemos que é praticamente impossível uma plataforma não ter acesso à internet, e mesmo os portáteis precisam seguir esse caminho. O mundo de hoje é completamente online, e com os games não poderia ser diferente.

Mais de 200 bilhões de pontos de conquista desbloqueados

No aniversário de 10 anos da Xbox LIVE, a Microsoft divulgou alguns dados interessantes sobre a rede. Desde o início, já foram feitas mais de 100 milhões de amizades. A empresa também revelou que mais de 14,5 bilhões de conquistas já foram desbloqueadas na rede, totalizando mais de 270 bilhões de pontos. A LIVE também possui mais de 40 milhões de assinantes.

A Microsoft não está somente comemorando o aniversário da rede com estatísticas. Os assinantes mais antigos do serviço estão recebendo de presente uma edição comemorativa do Xbox 360 completamente personalizada.

(Fonte da imagem: Reprodução/Kotaku)

A Microsoft também está sorteando alguns consoles personalizados entre os assinantes, mas essa promoção só é válida para quem reside nos Estados Unidos.

Fonte: Microsoft, SlashGear, Kotaku

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: