Conhecida pela fabricação de optoeletrônicos usados no treinamento de pilotos de helicópteros e da tripulação de tanques de guerra, a Fourth Dimensions Display agora pretende fazer sua estreia no mundo dos games. Através de um capacete de realidade virtual, a empresa quer trabalhar junto às fabricantes da próxima geração de consoles para entregar uma experiência interativa nunca vista antes.

A tecnologia foi demonstrada durante a Game Developers Conference 2012 usando uma versão modificada da arma baseada no PlayStation Move e um computador rodando o jogo Half Life 2. Segundo o repórter do The Verge que pôde testar a novidade, a sensação é a de que você se torna uma parte integrante do mundo exibido pelos visores do dispositivo.

Tecnologia imersiva

Atualmente, a Fourth Dimensions Display está negociando com fabricantes de consoles e periféricos para conseguir trazer a tecnologia para a casa dos consumidores. Vale lembrar que, até o momento, a empresa não tem qualquer espécie de representação no mercado de eletrônicos voltados ao grande público.

Cada uma das telas usadas pela companhia possuem nada menos que três milhões de pixels, compreendo o máximo da capacidade da visão humana. “Há um limite para a resolução que você precisa, determinada pelo campo de visão, o número de pixels e o que você está tentando mostrar. A partir desse ponto, não faz sentido em ir adiante porque os olhos não vão notar diferenças”, afirma Greg Truman, CEO da organização.

Apesar de a novidade ainda não ter nenhum apoio externo, Truman afirma que o processo de adaptação ao mercado caseiro pode ser feito de maneira extremamente rápida. Segundo ele, caso tudo prossiga conforme o esperado, poderemos ver uma versão reformulada da tecnologia sendo demonstrada na edição 2013 da GDC.

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: