(Fonte da imagem: Divulgação/Rockstar Games)

Com o recente anúncio de que Grand Theft Auto III ganhará uma versão para iOS e sistemas Android, a Rockstar voltou a falar sobre o terceiro capítulo da série, principalmente sobre as etapas de criação. De acordo com o cofundador do estúdio, Dan Houser, a ideia inicial era fazer com que Liberty City não fosse uma espécie de réplica digital de Nova York, mas um município genérico.

Em entrevista ao site IGN, ele explicou que a vontade da empresa era recriar uma cidade pós-industrial do Meio-Oeste dos Estados Unidos, mas sem trazer nenhuma característica de um lugar de verdade. No entanto, ele afirma que a equipe de desenvolvimento percebeu que trabalhar em cima de uma base real tornaria tudo mais crível, pois haveria muito mais coisas para você dizer sobre aquelas ruas, por exemplo.

Para Houser, esse foi a grande lição que a Rockstar aprendeu com GTA III, que também foi repassada para seus demais jogos, como Vice City, San Andreas e GTA IV. Sobre esses games, ele explica que os produtores sempre se preocuparam em trazer elementos bem diferentes, mantendo apenas a experiência central.

Via Baixaki Jogos

Cupons de desconto TecMundo: