E o campo de batalha continua fervendo. Você já conferiu nossos testes da versão Beta de Battlefield 3 no PC em uma prévia que detalhou o intenso conflito que só aumentou as expectativas dos jogadores. E quem conta com um PlayStation 3 ou um Xbox 360, felizmente, também será recrutado para essa batalha.

A Beta está disponível nas três plataformas até o dia 10 de outubro, data em que a EA fechará o período de testes. Para esquentar ainda mais o ânimo dos soldados, nós decidimos fazer uma comparação das versões para console com a versão para PC, exaltando as principais diferenças entre elas.

Obviamente, no PC, o título oferece muito mais recursos, principalmente se você contar com uma máquina potente. Em nosso caso, tivemos a oportunidade de executar o jogo em sua configuração máxima (Ultra), embora a resolução seja de “apenas” 1280x720 — o jogo suporta resoluções maiores, mas decidimos optar pela mesma utilizada nos consoles.

Enfim, ao contrário do que muitos pensam, as diferenças entre o PC e os consoles são notáveis. Conforme a própria DICE comentou, se Battlefield 3 dos consoles fosse igual à versão para PC, então a desenvolvedora teria falhado nos PCs. Vamos aos detalhes!

Comparação em Vídeo

 

Conexão

Uma das maiores vantagens dos consoles em relação aos PCs é a conexão. O sistema de matchmaking das plataformas de mesa permite que o jogador entre em um jogo com muito mais facilidade, enquanto, nos PCs, é até difícil encontrar uma partida automaticamente. A solução é procurar manualmente na lista de servidores.

Visuais

Fora isso, em teoria, o jogo funciona da mesma forma, trazendo uma jogabilidade sólida e que funciona muito bem. Nos visuais, entretanto, temos muitas diferenças, que variam desde os filtros às texturas. E um detalhe importante, principalmente para os fanboys: as versões do PS3 e X360 são praticamente idênticas, portanto, comparamos apenas um dos consoles com o PC.

(Fonte da imagem: Divulgação/Electronic Arts)

  • Serrilhados

No console, os serrilhados são notados muito mais facilmente. Não há como ignorar as bordas dos edifícios e dos demais objetos que compõem o cenário, que, visivelmente, apresentam linhas irregulares. No PC, tudo é mais suave, graças ao anti-aliasing.

  • Filtros e iluminação

A versão para PC traz vários filtros diferentes. Entretanto, um dos mais notáveis é o blur, que deixa a tela embaçada para dar mais realismo e senso de profundidade ao game. Quando os personagens se movimentam, o efeito fica bem claro e o resultado é uma experiência mais convincente.

Quanto à iluminação, no console, temos pouco impacto dos raios do Sol ou das próprias lâmpadas dentro do metro. No PC, vemos claramente os feixes de luz, principalmente nas partes externas.

(Fonte da imagem: Divulgação/Electronic Arts)

As explosões são bacanas nas duas versões, mostrando um belo trabalho da DICE. As chamas que enfeitam os cenários, contudo, são mais convincentes no PC, assim como o pano de fundo que dá mais fidelidade às batalhas.

  • Texturas e personagens

A versão para PC também apresenta texturas muito superiores em relação aos consoles. Isso fica claro quando observamos uma rocha, por exemplo, onde é possível ver os mínimos detalhes e também o reflexo do Sol, algo praticamente inexistente nos consoles.

Embora a modelagem seja praticamente idêntica, os detalhes providenciados pelas texturas do PC também fazem toda diferença no PC, gerando soldados mais convincentes e facilitando até mesmo a identificação do alvo. Outro fato notável é que a versão para consoles conta com bastante pop ins de texturas, fazendo com que elas surjam “do nada”.

(Fonte da imagem: Divulgação/Electronic Arts)

Nem todos os objetos ficam danificados quando o jogador dispara contra eles. É possível ver os estragos causados pelos seus tiros em muretas e outras estruturas, mas as rochas e o solo, por exemplo, não registram os danos. Além disso, a destruição do cenário é igual em ambas as versões.

Será que ainda veremos melhorias?

Em suma, a versão para PC é, obviamente, superior ao que vemos nos consoles, pelo menos em relação aos gráficos, já que a conexão no X360 e PS3 mostrou-se um pouco mais ágil. Mas, vale lembrar que estamos falando da versão Beta. Mas, afinal de contas, será que o título final, que chega às lojas no dia 25 deste mês, terá mudanças significativas? Sinceramente, é difícil, já que o build disponibilizado é bem atual. O resultado dessa guerra só chega com nossa análise. Portanto, fique ligado no Baixaki Jogos, soldado!

Via Baixaki Jogos

Cupons de desconto TecMundo: