Mafia, Grand Theft Auto, XCOM, NBA 2K. Essas são apenas algumas das séries abraçadas pela Take-Two, já que essa lista é bem maior – algo que a própria empresa admite, mas em nenhum momento chega a ser um problema, aparentemente. 

Falando durante um evento realizado nesta semana, Karl Slatoff, presidente da Take Two, fez uma comparação com o cenário da empresa na geração passada e no ciclo atual de consoles. Nas palavras dele, o catálogo de títulos da companhia é bem maior agora, já que ela tem mais franquias “do que pode administrar”. 

“Nossa situação em relação a propriedades intelectuais, neste instante, é a melhor que já tivemos na história da companhia. Temos muitas propriedades intelectuais, mais do que podemos lidar neste momento, e estamos sempre em busca de criar novas franquias. Sendo assim, essa é uma posição diferente da qual estávamos no período do lançamento do PlayStation 3 e do Xbox 360”, explicou Slatoff na ocasião. 

Outro detalhe mencionado na ocasião é que, no ciclo de vida dos consoles da geração passada, a Take-Two tinha cerca de mil funcionários no setor de desenvolvimento. Agora, esse número é superior a dois mil, isso sem contar aqueles que estão em estúdios parceiros – caso da Gearbox, produtora de Borderlands.

E você, também acha que a Take-Two tem mais franquias do que consegue administrar ou a empresa ainda consegue se virar bem? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: