Mark Shuttleworth coloca fim ao famoso bug #1 (Fonte da imagem: Meme Burn)

O bug #1 acabou. Mark Shuttleworth, fundador do Ubuntu, encerrou na semana passada um dos maiores objetivos de desenvolvimento do seu sistema operacional: acabar com o domínio da Microsoft no mercado de PCs.

Mas não foi por causa do Ubuntu que isso aconteceu: Shuttleworth credita ao iOS e ao Android a reversão do domínio da Microsoft, o que ele  chamava de “bug #1” nos registros de desenvolvimento do Ubuntu em 2004.

O bug foi finalmente marcado como completo na última quinta-feira (30) com uma nota de Shuttleworth: “Eu acho importante para nós reconhecermos que a mudança ocorreu. Assim, a partir da perspectiva do Ubuntu, este bug está encerrado”, relatou.

Bug corrigido?

Entretanto, Shuttleworth não cumpriu rigorosamente sua meta original. Ele acreditava em 2004 que a maioria dos PCs vendidos hoje deveria incluir apenas software livre, o que certamente não é o caso do mercado atual de desktops.

E apesar do Android – que é baseado no Linux – contar com uma grande participação no mercado de smartphones e tablets, o sistema operacional é menos aberto do que os computadores. 

Cupons de desconto TecMundo: