(Fonte da imagem: Reprodução/EverythingUSB)

Os modelos de pendrive foram evoluindo com o passar do tempo, ficando menores e mais finos. Apesar dessas mudanças, nenhum desses produtos é da espessura de uma folha de papel, não é? Pois saiba que essa característica está para mudar.

A novidade da vez se chama IntelliPaper que é um pedaço de papel que funciona como pendrive. Para isso, há uma ponta um pouco mais espessa e que se encaixa no seu computador. Além disso, o produto usa a memória NAND Flash para funcionar e arquivar dados.

Você pode fazer seu próprio pendrive

Com essa novidade, abrem-se as portas para que materiais impresso guardem informações no formato digital, o que agregaria bastante valor na hora de criar convites de casamento ou folhetos de propaganda, por exemplo.

Apesar de ser tão bacana, o IntelliPaper ainda não está disponível no mercado, pois a empresa que está encabeçando a ideia precisa de US$ 300 mil (cerca de R$ 600mil) para disponibilizar o produto através da Indiegogo.

Assim que a empresa conseguir colocar a novidade nas prateleiras, você vai poder fazer o seu próprio “papel-pendrive”, pois o gravador USB vai custar US$ 100 (R$ 200, sem impostos). Com isso, você consegue fabricar papeis com capacidade de 8 a 32 MB — não é uma capacidade muito grande, mas é maior do que a das folhas do seu caderno, não é?

Cupons de desconto TecMundo: