Lembra-se da HYT, a empresa responsável por vários impressionantes (e incrivelmente caros) relógios hidromecânicos como o H1 e o H3? Pois saiba que isso pode chegar a vários outros tipos de dispositivos dentro de alguns anos.

De acordo com um anúncio oficial feito pela empresa, a HYT e sua empresa irmã Preciflex receberam um investimento de 23 milhões de dólares para o desenvolvimento de mais dispositivos hidromecânicos – entre eles, um “novo tipo de joia fluídica”. E que outros usos essa tecnologia teria? Até o momento, nada foi revelado.

Vale notar, porém, que a Preciflex já utiliza seus sistemas hidromecânicos no mercado automotivo e até mesmo no da medicina. Vendo isso, não seria surpresa para ninguém descobrir que a empresa está planejando trazer seu sistema para áreas como smartphones e afins; vamos torcer apenas, porém, que eles não custem tão caro quando os relógios feitos pela HYT.

Infelizmente, como quase nada foi dito sobre as novas aplicações da tecnologia, teremos que esperar para ver no que esses mecanismos vão ser usados. E isso pode demorar bastante, já que devemos ver o resultado desse investimento surgindo apenas dentro de três anos.

Quanto você pagaria para ter um aparelho hidromecânico? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: