No dia 19 de julho de 1957, cinco homens (e um cinegrafista) fizeram algo bastante incomum: eles ficaram posicionados no marco zero de um teste atômico que estava sendo conduzido em Nevada. O vídeo acima é o registro desse momento e mostra um míssil nuclear explodindo cerca de 20 mil pés acima das cabeças dos oficiais.

Segundo o site NPR, o vídeo vem de arquivos do governo americano. Ele foi registrado pela Força Aérea dos EUA e tinha o objetivo de demonstrar que havia certa segurança quanto à explosão nuclear de baixo grau na atmosfera. Para isso, dois coronéis, dois majores e um oficial concordaram em permanecer no marco zero do experimento — apenas o cinegrafista não estava lá como voluntário.

Naquela época, os americanos estavam começando a se preocupar quanto às consequências nucleares e, para mostrar que estava tudo bem em usar esse tipo de arma, o filme acima foi gravado. Aparentemente, os oficiais integrantes dessa façanha viveram para contar essa história para seus netos — registros apontam que eles morreram com idade acima dos 60 anos.

Fonte: NPR

Cupons de desconto TecMundo: