Muito ouro atrapalhou a vida do Titan. (Fonte da imagem: Divulgação/Laboratório Nacional de Oak Ridge)

A lista de computadores mais rápidos do mundo é bastante dinâmica. Hora ou outra, um novato toma o lugar dos mais velhos e assim a vida segue. Entretanto, um problema muito particular no mais recentemente intitulado “computador mais rápido do mundo” fez com que ele não honrasse o nome. O Titan, do Laboratório Nacional de Oak Ridge, nos EUA, está impedido de funcionar a toda velocidade disponível por conta das conexões soldadas com ouro em sua placa-mãe.

Na verdade, esse tipo de solda deveria ter o efeito inverso, melhorando a transferência de dados. Contudo, a fabricante do Titan exagerou na dose e colocou muito desse material valioso no componente de solda. Com isso, o computador ficou instável e não pôde funcionar da forma esperada.

De acordo com instituição, que foi agraciada com o computador mais rápido do mundo em outubro do ano passado, a fabricante já foi acionada e deve começar os reparos em breve. Dessa forma, até abril o Titan deve conseguir mostrar toda a sua força de forma estável sem as conexões soldadas a ouro.

Cupons de desconto TecMundo: