Entenda o investimento bilionário de Mark Zuckerberg e a mudança de nome da empresa para Meta

Facebook e o Metaverso

Fundada em 2004 como uma rede social, a empresa Facebook se tornou um grande conglomerado de tecnologia após adquirir companhias como Oculus, WhatsApp e Instagram

O passado

A atuação da empresa se tornou tão ampla, incluindo realidade virtual e apps de mensagem, que o nome "Facebook", atrelado à rede social, não atendeu mais aos propósitos do conglomerado

Crescimento

Após anos de planejamento, a empresa agora se chama Meta, que significa “além” em grego. Enquanto a rede social Facebook segue sem alterações, a companhia-mãe, com o novo nome, está focada no futuro.

Nova fase

O principal objetivo da Meta é promover o “metaverso”, considerado pela empresa o futuro da internet. O conceito prevê interações em realidade virtual e aumentada no cotidiano dos usuários.

Metaverso

A dona do Facebook está investindo milhões na produção de aplicativos para alimentar o metaverso. Os usuários poderão construir avatares e casas para conviver com outras pessoas digitalmente

Vida digital

Os games também são foco. Além de produzir experiências focadas no metaverso, o Facebook já está investindo em jogos VR e trará até GTA San Andreas para realidade virtual em breve

Foco nos games

Além de representar o futuro, o nome renovado serve para o presente. O Facebook está envolvido em diversos escândalos e a nova marca pode ser positiva para a holding

Fuga da realidade

Visite o site do TecMundo para ficar por dentro de todos os desdobramentos do Metaverso e a mudança de nome do Facebook

Mais notícias?