O rumor surgido no início da semana de que a versão para Android de Fortnite não seria distribuída via Play Store foi confirmado hoje (3). A Epic Games, desenvolvedora do jogo, confirmou ao site Eurogamer que será preciso baixar manualmente o APK do game direto do site oficial para jogar.

Mas por que não simplesmente fazer como a grande maioria dos jogos, inclusive aqueles distribuídos por grandes empresas e colocar o título para baixar na Play Store? A resposta é simples: evitar a taxa de 30% cobrada pela Google sobre qualquer transação realizada por meio de sua loja oficial.

FortniteFortnite para Android não será distribuído por meio da Play Store.

Vale lembrar que Fortnite é gratuito para baixar, mas oferece uma série de microtransações, a forma como os seus criadores ganham dinheiro com ele. Se um game é distribuído por meio da Play Store, essas microtransações internas (como venda de armas, armaduras e outros itens de jogo) deixam 30% do valor de cada negociação com a Google.

“Este é um custo alto em um mundo onde os 70% dos desenvolvedores de jogos devem cobrir todos os custos de desenvolvimento, operação e suporte de seus jogos”, explicou a empresa. “E ele é desproporcional ao custo dos serviços que essas lojas oferecem, como processar pagamentos, banda para download e serviço de atendimento ao cliente.”

O Fortnite conta com uma versão para iOS, mas ele é distribuído pela App Store porque não há como instalar apps “por fora” no sistema da Apple. A Epic Games confirma, entretanto, que teria feito o mesmo na sua versão para iPhones e iPads caso houvesse tal possibilidade.

Cupons de desconto TecMundo: