Caso você seja um dono de um aparelho com as versões 8, 8.1 ou até mesmo 10 do Windows Phone (ou Windows Mobile), a Microsoft não tem boas notícias para você. Este mês, a companhia decidiu encerrar o suporte oferecido a versões mais antigas do Skype, em uma decisão que deve afetar pelo menos 85% dos aparelhos vendidos pela empresa até o momento.

Atualmente, muitas pessoas já não conseguem encontrar o aplicativo na Windows Store, mas conseguem baixá-lo através de links direto. No entanto, essa solução deve deixar de funcionar no começo de 2017 conforme o mensageiro instantâneo deixa de funcionar em grande parte das plataformas da Microsoft.

A situação é fruto da decisão de migrar as funcionalidades do Skype para a nuvem, algo que também afetou a versão do aplicativo para o Windows RT. A situação também afeta usuários do Android que possuem a versão 4.0.2 ou anterior do sistema operacional, que também se veem incapazes de baixar o software na loja Google Play.

Situação complicada

somente 13,7% dos donos de aparelhos da Microsoft estão usando a versão mais recente do sistema 

Usuários do sistema da Microsoft que pretendem continuar usando o software devem ter pelo menos a versão de aniversário do Windows 10 Mobile para poder utilizá-lo. Segundo o Phone Arena, somente 13,7% dos donos de aparelhos da Microsoft estão usando a versão mais recente do sistema operacional, sendo que 9,5% desses usuários estão presos à build 1511 que não tem suporte ao Skype.

Embora uma fatia desses consumidores consiga migrar para a versão 1607 através do programa Windows Insider, aparelhos com hardwares mais modestos ou produzidos por empresas menores não oferecem essa opção. E é justamente graças a essa situação que se estima que, de uma hora para outra, o Skype pode perder 85% de sua base de usuários que optaram pelo Windows Phone.

Cupons de desconto TecMundo: