No começo desta semana, hackers invadiram computadores da HBO e vazaram documentos, vídeos, emails e roteiros de seriados como Game of Thrones e Ballers. Além disso, os autores da ação endereçaram uma mensagem a Richard Plepler, diretor-executivo do canal, exigindo o pagamento de um montante para não aumentar esse estrago (que aparentemente seria o equivalente a "seis meses de salário do executivo em Bitcoins", ou quase US$ 6 milhões).

Agora, de acordo com o Mashable, os hackers por trás desse ataque enviaram um vídeo para HBO comentando que vão divulgar uma nova leva de vazamentos e, dessa vez, os dados são ainda mais sensíveis.

Os hackers buscam um pagamento em torno de US$ 6 e 7 milhões

O vídeo, com 5 minutos de duração, roda com a trilha sonora de Game of Thrones ao fundo, seriado de maior sucesso da HBO atualmente. Entre as exigências feitas, os hackers dizem: "Nossa demanda é clara e inegociável: nós queremos XXXX dólares para encerrar o vazamento de dados. A HBO gasta 12 milhões em Pesquisa de Mercado e 5 milhões para propagandas do GoT7. Então, nos considere como outro orçamento para suas propagandas!".

Como dito anteriormente, os hackers buscam um pagamento em torno de US$ 6 e 7 milhões. Isso porque "a operação anual do grupo tem uma receita entre 12 e 15 milhões de doláres", então eles querem "um pagamento de 6 meses em bitcoins para sumir do mapa".

  • Sobre este caso do vídeo, um porta-voz da HBO enviou o seguinte comunicado ao Mashable:

"A HBO acreditava que outros vazamentos poderiam surgir deste incidente cibernético quando a confirmamos na semana passada. Como dissemos, a revisão forense está em andamento. Embora tenha sido relatado que uma série de emails foram divulgados, a revisão até o momento não nos deu um motivo para acreditar que nosso sistema de email como um todo foi comprometido. Continuamos trabalhando 24 horas por dia com empresas externas de segurança cibernética e policiais para resolver o incidente. Enquanto isso, nossos funcionários dedicados continuam a se concentrar em oferecer a alta qualidade de entretenimento e serviço para o qual somos conhecidos".

"Não nos chame de hackers asquerosos, somos profissionais de TI", disse o grupo que atacou a HBO. "Considere o que fizemos como um grande pentest". Acompanhe abaixo o vídeo: