Mesmo antes de o Galaxy S6 e sua variação Edge chegarem oficialmente às lojas, o grupo Chainfire já descobriu uma maneira de garantir acesso root aos novos aparelhos. Com isso, os consumidores interessados em adquiri-los já vão ter uma forma de modificar de forma mais profunda a maneira como determinadas funções e recursos atuam.

Vale notar que a solução liberada só é compatível com os modelos SM-G920T e SM-G92T do smartphones, ambos vendidos nos Estados Unidos pela operadora T-Mobile — e que tem como característica permitir o destravamento de seu bootloader. Com isso, quem adquirir a novidade através da AT&T ou da Verizon ainda vai ter que esperar certo tempo pelo surgimento de uma solução semelhante.

O destravamento do Galaxy S6 pode ser feito através da versão atualizada do software CF Auto Root, disponível através deste link. Segundo os responsáveis, o programa foi testado em uma versão finalizada do dispositivo, o que garante seu funcionamento adequado — no entanto, como todo processo de root, há sempre uma série de riscos envolvidos (incluindo a perda de garantia oficial).

Entre as consequências negativas do uso da ferramenta está o fato de que ela pode inutilizar a suíte de segurança KNOX, o que traz como consequência a perda da capacidade de usar o sistema Samsung Pay. No Brasil, o Galaxy S6 deve chegar às lojas pelo preço sugerido de R$ 2.899, enquanto a variação Edge deve custar R$ 3.999.

Cupons de desconto TecMundo: