Antes de o iPhone 6 chegar às prateleiras das lojas e, posteriormente, aos bolsos dos consumidores, os testes para averiguar se determinado smartphone dobra provavelmente não eram muito populares. Entretanto, os casos de aparelhos da Apple que simplesmente dobravam chamou a atenção para esse tipo de avaliação, que agora é realizada em quase todos os dispositivos.

Recentemente, o mais novo aparelho da Samsung, o Galaxy S6 edge, passou por um teste rápido de envergadura, mostrando que o smartphone resiste bem às pressões impostas sobre ele. Mas será que a “metodologia” apresentada naquele vídeo é confiável? Como já havíamos sugerido, infelizmente o vídeo mostrou falsas impressões sobre o dispositivo da sul-coreana.

Teste do iPhone 6 Plus.

Tão frágil quanto um iPhone

Para colocar um ponto final nesse assunto, a SquareTrade, empresa que oferece planos de seguro para smartphones  nos Estados Unidos, realizou um teste definitivo sobre a capacidade de entortar do Galaxy S6 edge. Junto com ele, foram avaliados o iPhone 6 Plus e o recém-lançado HTC One M9.

O vídeo acima não deixa dúvidas: o smartphone da Samsung entorta, exigindo exatamente a mesma força (aproximadamente 50 kg) para que apresente uma deformação definitiva. No entanto, ao contrário do iPhone 6 Plus que só apresentou um dano na carcaça, o display do Galaxy S6 edge rachou exatamente na lateral curva e exclusiva do dispositivo.

Teste do Galaxy S6 edge.

Para se tornar completamente inútil, foi necessário aplicar sobre o iPhone 6 Plus uma força de aproximadamente 81 kg. No caso do Galaxy S6 edge, uma pressão de pouco mais de 67 kg foi o suficiente para inutilizar o aparelho, mostrando que o smartphone da Samsung é mais frágil nesse sentido.

E o HTC One M9?

No caso do aparelho da HTC, uma força de 54 kg foi suficiente para tornar o dispositivo inútil. Por causa do posicionamento central do botão principal, ao ser dobrado, esse componente perde sãs funções, impossibilitando ligar o smartphone.

Teste do HTC One M9.

Conclusão?

A conclusão que poderemos tirar a partir daí é a seguinte: não adianta tirar sarro da Apple por causa dos casos de aparelhos que “dobram”. Pelo visto, muitos dos smartphones atuais têm esse “problema”, algo que provavelmente só não era comum na época dos dispositivos “tijolos”. A propósito, que saudades daquele tempo...

Cupons de desconto TecMundo: