No ano passado, o Japão foi atingido por terremotos que causaram muitos problemas sérios ao país, incluindo a danificação de reatores nucleares que poderiam ter resultado em uma tragédia ainda pior. Para a intervenção na usina de energia nuclear de Fukushima, os japoneses contaram com a ajuda de robôs norte-americanos, que puderam chegar a locais de maior perigo sem oferecer riscos aos humanos.

Agora, os engenheiros japoneses estão também criando seus próprios robôs de verificação para ambientes nucleares. Os protótipos da Future Robotics Technology Center (de Tóquio) já estão em fases de testes e oferecendo ótimos resultados – incluindo a resistência à exposição de radiação e transposição de obstáculos. Se continuar apresentando progresso, em breve os robôs poderão ser utilizados efetivamente.

Fonte: CIO

Cupons de desconto TecMundo: