Facebook vem investindo em suas frentes de distribuição de conteúdo audiovisual nos últimos anos e hoje a companhia apresentou algumas novidades sobre o assunto para as versões de dispositivos móveis. O destaque fica para um novo modo para as transmissões ao vivo do Watch Party, que permite aos usuários interagir e comentar enquanto acompanham atrações em conjunto.

Para quem não conhece, as Watch Parties permitem às pessoas assistir a algum vídeo exibido via Facebook em tempo real. Como muita gente gosta de conversar enquanto vê e mais de 12 milhões de sessões foram realizadas somente nos Grupos no ano passado, a empresa decidiu criar uma ferramenta para facilitar os comentários e outras interações.

facebookFonte: Facebook

A experiência começa com as partidas da UEFA Champions League desta temporada. A partir de agora, ao selecionar “On TV” durante uma Watch Party, você poderá selecionar o jogo em questão e a interface muda, com o placar e outras informações atualizadas constantemente enquanto o chat fica livre para troca de mensagens, emoticons, enquetes, entre outras coisas.

O teste inicialmente será com esportes e nos Estados Unidos, mas a ideia é de que ele se espalhe para outros setores e países.

Mais canais e conteúdos

O Facebook anuncia também que as ferramentas que possibilitam associar canções em vídeos criados na plataforma chega atualmente a 40 países e passa a estar disponível em mais 2 localidades — Índia e Tailândia. Além disso, a partir de agora é possível linkar uma música do Spotify no seu perfil, e forma que os visitantes possam ouvir a faixa completa e até buscar outras sugestões semelhantes.

facebookFonte: Facebook

O Facebook Watch, que é o serviço de streaming embutido da rede social, anuncia que comprou mais 20 episódios do Red Table Talk, talk show feito para a web que é protagonizado por Jada Pinkett Smith, Willow Smith e Adrienne Banfield-Norris e vem fazendo sucesso, com temas a exemplo de violência doméstica, relações raciais, entre outros.

Assim como a novidade como Watch Party, é bem possível que ainda não vejamos essas mudanças no Brasil.

Cupons de desconto TecMundo: