Homem de 78 anos é salvo após Apple Watch identificar queda

1 min de leitura
Imagem de: Homem de 78 anos é salvo após Apple Watch identificar queda
Imagem: Reprodução/Apple
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Mais uma vez, o recurso de detecção de quedas do Apple Watch salvou a vida de uma pessoa, desta vez um homem de 78 anos na cidade de Summerfield, Carolina do Norte (EUA). Após a vítima em questão, Mike Yager, desmaiar e cair, o dispositivo verificou a ausência de movimentos e contatou automaticamente o Corpo de Bombeiros local, conta a Fox 8 News.

"A primeira coisa que perguntei [ao agente de resgate] foi: 'Como foi que você chegou aqui?’ Ele, então, respondeu: 'Seu relógio nos mandou uma mensagem.' Eu disse: 'Como assim?'", relatou Yager à reportagem, ainda incrédulo. Mike estava sozinho na última segunda-feira (28), quando tudo aconteceu.

"Os bombeiros me mostraram um tipo de registro, que, se me lembro bem, descrevia que um homem estava potencialmente inconsciente. Além disso, o Apple Watch forneceu a localização da ocorrência. Naquele momento, fiquei sem palavras. Não sabia o que dizer", complementou Lori Yager, esposa do ferido.

"Quem sabe o que teria acontecido quando eu chegasse em casa, pois ficaria mais algumas horas fora", destaca a mulher.

Apple Watch entrou em contato com autoridades assim que detectou problemas.Apple Watch entrou em contato com autoridades assim que detectou problemas.Fonte:  Reprodução/Apple 

Recuperação e conselho

De acordo com a empresa da Maçã, a funcionalidade dispara um alarme e exibe um alerta em casos de quedas fortes. Depois, dá a opção de o usuário chamar serviços de emergência. Entretanto, após 60 segundos sem resposta ou movimento, toma a decisão por si.

Agora, Mike Yager se recupera de uma fratura no nariz e seus cortes e arranhões estão sendo tratados. Ele também aconselha: "[O aparelho] é meio caro, mas, se você tem 65 anos ou mais, deve, definitivamente, investir em algo do tipo. Tenho 78 anos, então estou nessa."

Vale lembrar que apenas o Apple Watch Series 4 e modelos superiores contam com a ferramenta, que deve estar ativada nas configurações. Preencher a Ficha Médica detalhadamente é outra recomendação. No caso de usuários de 55 anos ou mais, informa a companhia, tudo funciona por padrão.