(Fonte da imagem: Reprodução/Mashable)

O criador do aplicativo Girls Around Me, disponível para iPhone, declarou se sentir injustiçado pela atitude do FourSquare em bloquear o uso da API para o seu aplicativo. O representante da i-Free Inovations enviou um email para o The Wall Street Journal, destacando a sua insatisfação.

Para os autores do polêmico aplicativo, que servia para mostrar quais mulheres estavam em uma determinada região, o app acabou servindo de bode expiatório, pois tudo o que ele fazia era apenas mostrar de forma ordenada dados que, de outra forma, já estavam disponíveis para qualquer adepto da ferramenta.

O FourSquare proibiu o Girls Around Me de usar a sua API alegando que o serviço viola as suas políticas de agregação de informações entre locais. Quando estava em funcionamento, além de listar as mulheres de uma determinada região o aplicativo conectava o portador com as contas do Facebook das meninas em questão.

Cupons de desconto TecMundo: