De acordo com o TorrentFreak, usuários de internet que compartilharem arquivos piratas podem pegar até 10 anos de cadeia no Reino Unido. Por meio de uma consulta pública inicial que já foi encerrada, a ideia é aumentar de 2 para 10 anos a pena para crimes de infração de propriedade intelectual. Nesse momento, a lei "Digital Economy" está tramitando no parlamento britânico.

Um grupo que está por trás dessa lei é a Federation Against Copyright Theft (FACT), que busca tornar os crimes de infração de copyright tão pesados quanto crimes "no mundo real". Atualmente, no Reino Unido, quem vender produtos físicos piratas pode enfrentar 10 anos na cadeia — na internet, a pena máxima é de 2 anos. Ou seja: você tem um barraca na rua e um site? Pode enfrentar mais de 10 anos e, isso, já nos dias atuais. 

Essa lei que aumenta para 10 anos a pena ainda está tramitando

A secretária de cultura e mídia do Reino Unido, Karen Bradley, comentou o seguinte sobre a lei: "Nós iremos ajudar as empresas sobre os ataques de propriedade intelectual. Criminosos [na rua] já podem ser sentenciados até 10 anos de prisão, mas gangues criminosas [na internet] que fazem grande somas de dinheiro explorando criações online de outras pessoas enfrentam apenas dois anos. Nós vamos aumentar isso para dez".

Essa lei que aumenta para 10 anos a pena ainda está tramitando no parlamento. Assim que algo for decidido, você saberá mais detalhes nesta página.

Cupons de desconto TecMundo: