Comércio de eletricidade via blockchain é inaugurado na Alemanha

1 min de leitura
Imagem de: Comércio de eletricidade via blockchain é inaugurado na Alemanha
Avatar do autor

Uma nova plataforma de compra e venda de energia limpa começou a ser utilizada em fase de testes em uma região da Alemanha. A gigante Siemens é uma das financiadoras do projeto, junto de empresas locais de energia e instituições de pesquisa.

A estrutura é chamada de Pebbles e, basicamente, consiste em um mecanismo de comércio eletrônico de eletricidade. Produtores privados de energia, como donos de parques eólicos ou fazendas de painéis solares fotovoltaicos, podem disponibilizar a energia excedente gerada sem precisar de uma parceria com uma empresa de energia de intermediária.

Por outro lado, os consumidores podem usar um aplicativo para solicitar as compras e até definir alguns parâmetros, como a porcentagem e o preço desejado de cada sistema de energia. A plataforma deve ser utilizada não só para redes domésticas, mas também para bombas de calor e estações de recarga de veículos elétricos — a Alemanha possui metas ousadas para a adoção cada vez maior de automóveis que não usam combustíveis fósseis.

A contratação de planos de fornecimento de energia elétrica pode ser feito via aplicativo.A contratação de planos de fornecimento de energia elétrica pode ser feito via aplicativo.Fonte:  AÜW (Allgäuer Überlandwerk GmbH) 

O blockchain é usado para garantir que todas as transações sejam feitas de forma transparente e segura, além de permitir expansões do sistema de forma mais eficiente.

Por enquanto, os testes acontecerão apenas no município de Wildpoldsried, uma pequena cidade na região da Baviera. O objetivo é estabelecer por lá o primeiro marketplace local de comércio otimizado de eletricidade baseado em blockchain.

Fontes

Comércio de eletricidade via blockchain é inaugurado na Alemanha