Hoje a Sony confirmou sua adesão à iniciativa RE100, capitaneada pela ONG The Climate Group. A gigante de tecnologia japonesa confirmou que pretende usar 100% de energia renovável para impulsionar suas operações globais até 2040. O projeto RE100 já integra mais de 140 empresas em todo o mundo, as quais se comprometeram a atingir o mesmo objetivo.

A Sony anunciou que pretende usar 100% de energia renovável para todos os seus sites de negócios até 2040. Para acelerar isso, a Sony a expandirá para locais de negócios na China e na América do Norte. Suas localizações na Europa já alcançaram a meta total.

A empresa também vai promover a instalação de painéis solares em fábricas no Japão, na Tailândia e em outros lugares. A terra nipônica tem muitos dos locais de produção de semicondutores da Sony com o maior consumo de energia do Grupo Sony.

Ela vai estabelecer um plano de transferência interna de eletricidade gerada em seus pontos físicos de atuação. A companhia também considerará alimentar seus edifícios através de redes elétricas de propriedade de empresas de energia que estão usando instalações internas de geração que dependem de fontes renováveis, como a solar.

A Sony adotou um plano ambiental em longo prazo, segundo o qual ela pretende utilizar 100% de produtos recicláveis em todas as suas operações e para todo o ciclo de vida dos seus produtos até 2050.