Se você tem um notebook ou um smartphone, é quase certo que já tenha tentado utilizar a internet de dentro do seu banheiro. E deve também ter percebido que lá dentro o sinal do wireless não é tão forte quanto no resto da casa. Mas quais serão as razões para que isso aconteça nos banheiros?

Um dos principais motivos para isso são as paredes, que atrapalham o sinal em qualquer ambiente da casa. Mesmo assim, é preciso notar que em banheiros esse sinal é ainda mais enfraquecido. Será mesmo? É o que vamos descobrir analisando alguns dos fatores que podem influenciar na transmissão dos dados.

Qual o papel dos azulejos?

Muitos banheiros são construídos com azulejos de porcelana. Há quem diga que eles podem fazer com que o sinal da internet fique mais fraco. A Apple afirma, em seu manual de intensificação de Wi-Fi, que os azulejos são reais obstáculos que podem atrapalhar as transmissões.

Segundo alguns relatos de técnicos especializados em redes, o azulejo causa uma reverberação do sinal wireless. Isso representa uma queda na potência e, consequentemente, falhas na comunicação entre os dispositivos.

Não existem estudos específicos para essa hipótese, mas um fator deve ser levado em consideração. Para a colocação dos azulejos é necessário utilizar cimento, que é reconhecidamente um enfraquecedor de sinal sem fio. Paredes de concreto podem ser um bloqueador ainda mais poderoso.

Espelhos podem refletir o sinal?

Uma das dúvidas mais frequentes em relação à internet sem fio é referente aos espelhos. Muitos pensam que eles podem refletir o sinal e impedir que ele chegue até os dispositivos que precisam dos dados. Na verdade, para confirmar isso é preciso diferenciar dois tipos de espelhos que podem ser encontrados nos banheiros.

O vidro não causa nenhuma interferência, mas o metal utilizado para as reflexões pode ser um obstáculo complicado. Espelhos mais antigos, que utilizavam chumbo, prata e outros materiais pesados, são quase intransponíveis. Já os mais modernos com alumínio causam menos perdas, mas não permitem 100% de passagem.

O que realmente acontece não é uma reflexão (igual ao que acontece com a luz nos espelhos), mas sim uma absorção do sinal – da mesma forma que acontece com todos os materiais.

Encanamentos e conexões

Atualmente, a grande maioria dos tubos e conexões hidráulicos é feita de PVC e outros materiais plásticos, mas já houve um tempo em que eles eram de metal. Se a sua casa tiver esse tipo de instalação, possivelmente seu banheiro será isolado de todo sinal Wi-Fi. Isso acontece porque o metal absorve as ondas.

(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Pode-se dizer que este tipo de construção é uma das maiores responsáveis pela inutilização dos banheiros como central de mídia e conexão à internet. Como já foi dito antes, a espessura das paredes também é um obstáculo que precisa ser vencido. Vale lembrar que na parte interna delas podem passar fios elétricos, que também causam interferências.

Afinal, o banheiro enfraquece a Wi-Fi?

A resposta é “sim”, mas não se limita a isso. Se o roteador wireless e o dispositivo que tenta acessá-lo estiverem separados pelo banheiro, o sinal de internet chegará mais fraco a este eletrônico. Ou seja, não é apenas no interior do banheiro que o sinal fica enfraquecido, mas em qualquer lugar que tenha o banheiro como caminho.

.....

Como você pode ver, não é apenas o seu banheiro que transforma a internet sem fio em um tormento. A junção de azulejos, cimento, canos, instalações elétricas, espelhos e paredes realmente torna estes ambientes um péssimo lugar para o sinal Wi-Fi.

Cupons de desconto TecMundo: