Game of Thrones: George RR Martin diz que série se perdeu após 5ª temporada

Imagem de: Game of Thrones: George RR Martin diz que série se perdeu após 5ª temporada
Imagem: HBO

De acordo com o que foi exposto no livro Tinderbox: HBO’s Ruthless Pursuit of New Frontiers, escrito por James Andrew Miller, George RR Martin, autor da coleção de livros que deu origem à série Game of Thrones, teria criticado o desenvolvimento que a produção,  encabeçada pela dupla David Benioff e DB Weiss, teve ao longo dos seus últimos anos.

Segundo ele, após a conclusão da 5ª temporada, as coisas passaram a tomar rumos muito diferentes do que havia sido planejado anteriormente. As informações foram colhidas por meio do depoimento de Paul Haas, agente do escritor, autorizado pessoalmente por Martin a falar sobre o assunto.

Escritor de As Crônicas de Gelo e Fogo em participação no talk show Conan. (TBS/Reprodução)Escritor de As Crônicas de Gelo e Fogo em participação no talk show Conan. (TBS/Reprodução)Fonte:  TBS 

"George gosta muito de Dan e Dave, mas após a 5ª temporada ele começou a se preocupar com o caminho que estavam seguindo, justamente porque ele sabia para onde a história caminharia”, afirmou Haas em um trecho extraído do livro. “As primeiras cinco temporadas seguiram o roteiro de George, mas depois nada mais foi considerado”, acrescentou.

Fãs ficaram incomodados com o desfecho de Game of Thrones

Embora os últimos romances da coleção não tenham sido publicados por Martin até hoje, Benioff e Weiss tiveram acesso a todas a suas anotações, esboços e outros materiais que mostravam como a história continuaria após a conclusão de A Dança dos Dragões, o quinto volume de As Crônicas de Gelo e Fogo.

Muitos fãs compartilham da mesma opinião do autor original das obras, alegando que a série foi totalmente descaracterizada com o passar do tempo, o que culminou em um desfecho lamentável para boa parte do público.

Inclusive, uma das maiores vontades de Martin era que a série tivesse 10 temporadas, completando 100 episódios. De acordo com o livro Tinderbox: HBO’s Ruthless Pursuit of New Frontiers, o autor teria implorado aos executivos da HBO para que estendessem a série, mas os produtores não aceitaram a sugestão.

Isaac Hempstead Wright como Bran Stark. (HBO/Reprodução)Isaac Hempstead Wright como Bran Stark. (HBO/Reprodução)Fonte:  HBO 

Conforme Haas destacou em entrevista a James Andrew Miller para a composição do livro, Martin não havia contado a ninguém, nem mesmo a Benioff e Weiss, sobre quem assumiria o trono no final dos romances.

No entanto, ambos interpretaram que a intenção original era que Bran Stark (interpretado por Isaac Hempstead-Wright) assumisse essa posição, algo que, posteriormente, teria sumido dos planos do escritor de acordo com o que disse seu agente.

Outras opiniões sobre Game of Thrones e mais séries da HBO também podem ser lidas no mesmo livro. O que você achou de todas essas considerações?

Fontes