Cidade das Sombras: filme que influenciou Matrix vai virar série

Imagem de: Cidade das Sombras: filme que influenciou Matrix vai virar série
Imagem: IMDb/Reprodução

Alex Proyas (O Corvo) está trabalhando em uma série ambientada no universo de Cidade das Sombras. O filme, lançado em 1998, acompanha um homem (Rufus Sewell) que acorda sem lembranças e é acusado de assassinato. Em sua tentativa de descobrir a verdade, ele também desvenda um mistério maior em torno de um sinistro grupo.

O filme foi elogiado pela crítica na época do seu lançamento e é considerado como uma das principais influências de Matrix. Proyas já havia retornado ao universo do filme em 2020, quando lançou o curta Mask of the Evil Apparition. Proyas comentou que está olhando de volta para o filme de 1998 para saber o que pode ou não ser aproveitado.

"Cidade das Sombras é realmente intrigante para mim porque estamos desenvolvendo uma série, uma série baseada em Cidade das Sombras, e estamos nos estágios iniciais [de produção], mas estou tendo que reanalisar [o filme] para poder construir uma nova história", explicou o cineasta. "Estou tendo que voltar e reviver minha memória sobre o que realmente fizemos e o que eu acho que funcionou e o que eu acho que não funcionou e reavaliar meu próprio filme, então tem sido uma experiência muito interessante também, sobre o que eu não fiz antes".

'Mask of the Evil Apparition'.'Mask of the Evil Apparition'.Fonte:  IMDb/Reprodução 

O cineasta também comentou que, embora tenha lançado uma "versão do diretor" em 2008, muito do que ele havia imaginado originalmente acabou sendo perdido durante a pós-produção.

“Eu fui forçado a fazer certas coisas com as quais não concordava e, até certo ponto, corrigimos na versão do diretor", comentou Proyas. "Porque você não poderia salvá-lo completamente. Quero dizer, todo o ponto de um corte de diretor é a ilusão de que salvamos o que fizemos originalmente. Mas você nunca pode fazer isso. Muitas vezes, é simplesmente impossível. Naquela época filmamos em negativos, e eles estavam sendo cortados de uma certa maneira que é muito, muito difícil voltar ao que você projetou originalmente. Então [a versão do diretor] está mais próxima da minha concepção original do que o corte dos cinemas estava, mas ainda não é exatamente o que minha concepção original era”.