Alien: série não terá Ripley e falará sobre desigualdade

Imagem de: Alien: série não terá Ripley e falará sobre desigualdade
Imagem: 20th Century Fox/Reprodução

O showrunner da nova série baseada no universo de Alien, Noah Hawley, afirmou nesta quinta-feira (1°) que a produção não terá Ellen Ripley, que foi interpretada nos cinemas pela atriz Sigourney Weaver.

Em entrevista ao site Vanity Fair, o produtor falou sobre o andamento do show e explicou detalhes da história. Sobre a ausência da icônica personagem da franquia, ele disse que essa “não será uma história da Ripley”.

“Ela é uma das grandes personagens de todos os tempos. Acho que a história foi contada com bastante perfeição e não quero mexer com ela. E a história (da série) se passa na Terra. Já as histórias alienígenas estão sempre em locais fechados. (Estejam os personagens) presos em uma prisão ou em uma nave espacial”, justificou.

Alien: o 8° Passageiro Alien: o 8° Passageiro

Alien: série terá enredo sobre desigualdade

Hawley defendeu que, desta vez, pretende abordar com mais detalhes como esse universo fala sobre desigualdades. De acordo com ele, isso fica claro nos filmes, já que os protagonistas são “pessoas que você manda para fazer o trabalho sujo”.

“Na minha (série), você também verá as pessoas que os estão enviando (para fazer o trabalho sujo). Então, você verá o que acontece quando a desigualdade contra a qual lutamos agora não for resolvida. Se nós, como sociedade, não descobrirmos como apoiar uns aos outros e distribuir a riqueza, o que acontecerá conosco?”.

O showrunner não deu mais detalhes sobre a trama e nem falou sobre a linha do tempo em que a série ocupará. Apesar disso, ele falou que uma das principais ideias do programa será mostrar “o que acontece se você não puder contê-los (as criaturas)?”.

Aliens: O ResgateAliens: O Resgate

A série de Alien, que ainda não tem nome oficial, começa a ser filmada entre março e junho do ano que vem. A produção será transmitida pelo canal FX e ainda não tem data de estreia.

Alien: série não terá Ripley e falará sobre desigualdade