O Legado de Júpiter: Josh Duhamel abre o jogo sobre seu personagem

Imagem de: O Legado de Júpiter: Josh Duhamel abre o jogo sobre seu personagem
Imagem: (Fonte: Netflix/Reprodução)

Estreou na última sexta-feira (7), na Netflix, a nova série de super-heróis O Legado de Júpiter, que traz o ator Josh Duhamel como o primeiro herói da humanidade, o Utópico.

Em uma conversa com o site CBR, Duhamel falou sobre as camadas de seu personagem, que enfrenta conflitos tanto como o líder da União da Justiça quanto como Sheldon Sampson ao ter que lidar com o relacionamento complicado com seus filhos, também super-heróis.

(Fonte: Netflix/Reprodução)(Fonte: Netflix/Reprodução)Fonte:  CBR 

O ator falou sobre a origem do personagem na década de 20, após a perda de seu pai, e também sobre a luta de Utópico em manter intacto o Código, mesmo 90 após seu surgimento.

Segundo Duhamel, o suicídio do pai de Sheldon foi o grande momento decisivo para sua jornada como herói. “Nós o vemos logo no início, quando ele está no topo do mundo e não tem nada além de um céu azul pela frente, e então seu pai se suicida na frente dele, e isso o envia a um colapso mental traumático no qual ele começa a ter essas visões. Ele é movido por essas visões, que no final das contas o levaram a esta ilha, que o levou a esses poderes”.

Questionado sobre o Código, que impede os heróis de matar os vilões, Duhamel acredita que isso tem uma ligação direta com o desejo de Sheldon de morrer e a preocupação com seu filho. “Ele tem esse destino estranho e autorrealizável de fazer isso sozinho e na frente do próprio filho”, disse o ator, que completou: “ele queria morrer? Esse cara quer ir embora? Ele já teve o suficiente? Ele está pronto para passar a tocha? É por isso que ele está tão desesperado para passar a tocha para seu filho? E então eu acho que essa é a linha central, é que ele nunca foi capaz de esquecer o que aconteceu com seu pai e, no final das contas, leva isso adiante”.

O Legado de Júpiter já está inteiramente disponível na plataforma de streaming da Netflix.

O Legado de Júpiter: Josh Duhamel abre o jogo sobre seu personagem