Game of Thrones: George R. R. Martin fala da história de Hodor na série

Imagem de: Game of Thrones: George R. R. Martin fala da história de Hodor na série
Imagem: HBO/Reprodução

Por meio de um novo livro, que revela os bastidores de Game of Thrones, George R. R. Martin falou um pouco mais sobre alterações na trajetória do personagem Hodor dos livros para a série da HBO.

No intitulado Fire Cannot Kill a Dragon ("Fogo não pode matar um dragão", em tradução livre), escrito por James Hibberd, o autor de As Crônicas de Gelo e Fogo afirmou que, embora as cenas finais de Hodor (interpretado por Kristian Nairn) tenham sido bem executadas, nos livros elas acontecem com mais sutileza.

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  HBO 

“Eles fizeram as cenas de maneira muito física, 'seguraram a porta' com a força de Hodor”, contou George R. R. Martin. Segundo ele, a ideia inicial era que Hodor defendesse Bran dos inimigos, lutando e matando-os. “Um pouco diferente, mas a mesma ideia”, explicou.

A morte de Hodor causou bastante comoção por parte do público, já que ele era um personagem bem- amado pelos espectadores. Tudo aconteceu em uma cena extremamente melancólica no 5º episódio da 6ª temporada da série, na qual Bran (Isaac Hempstead-Wright) e Hodor estão juntos.

Atenção, spoilers à frente!

O episódio conhecido como “A Porta” mostra o caçula dos Stark se infiltrando, com sua habilidade mística, na mente de Hodor. Com isso, ele consegue descobrir algumas informações sobre ele. Nascido como Wylis, o servo da Casa Stark só se tornou Hodor depois de sofrer uma convulsão que mudou sua vida na juventude.

O evento em questão danificou seu cérebro e tirou seu poder de falar, deixando-o apenas capaz de dizer a única palavra que se tornaria seu nome. A cena então revela a causa de tudo isso, quando o exército dos mortos se aproxima e faz com que Bran tome conta do corpo do amigo. Isso acaba sendo bastante torturante para ele.

Hodor testemunha, psiquicamente, sua própria morte quando adulto e esse é o trauma que acaba lhe transformando.

Triste, não?

Game of Thrones: George R. R. Martin fala da história de Hodor na série