Game of Thrones: showrunners explicam ausência de Lady Stoneheart

Imagem de: Game of Thrones: showrunners explicam ausência de Lady Stoneheart
Imagem: HBO/Reprodução

Os showrunners de Game of Thrones, David Benioff e Dan Weiss, finalmente revelaram por que a personagem Lady Stoneheart, tão aguardada pelos fãs da série de livros, nunca apareceu em um episódio da produção da HBO. Com oito temporadas de muito sucesso, o desfecho do seriado foi bastante criticado por boa parte dos espectadores.

A personagem mencionada poderia ter aparecido em diversas ocasiões no decorrer da série, segundo o público que leu os livros. Para quem não está muito familiarizado, a famigerada Lady Stoneheart é mencionada nos romances As Crônicas de Gelo e Fogo, escritos por George R.R. Martin.

(Reprodução)Fonte:  HBO 

Atenção, spoilers à frente!

Ela seria uma espécie de reencarnação de Catelyn Stark, totalmente vingativa, já que foi assassinada no Casamento Vermelho durante a 3ª temporada da série. Nos livros, ela tem duas participações cruciais, sendo a primeira no fim do terceiro livro (A Tormenta de Espadas), quando surge, e a segunda no volume seguinte, O Festim dos Corvos, no qual Brienne de Tarth, antiga escudeira de Catelyn, é levada pela Irmandade Sem Estandartes para ser apresentada a Lady Stoneheart, sendo acusada de traição e de servir aos Lannisters.

De acordo com Benioff e Weiss no livro Fire Cannot Kill a Dragon (Fogo não pode matar um dragão, em tradução livre), escrito por James Hibberd sobre os bastidores de Game of Thrones, nunca houve muito debate sobre introduzir a personagem na série. "Parte do motivo pelo qual não queríamos colocar [a Lady Stoneheart] tinha a ver com coisas que apareciam nos livros de George que não queríamos estragar", disse Benioff.

Ele acrescentou que um dos motivos também poderia estar ligado ao que as futuras tramas reservavam. "Sabíamos que tínhamos a ressurreição de Jon Snow chegando", contou. "Muitas ressurreições começam a diminuir o impacto da morte dos personagens. Queríamos manter nossa pólvora seca para isso", explicou.

Nesse sentido, Benioff também garantiu que o desfecho de Catelyn Stark foi poderoso o suficiente para encerrar essa trama na série. "O último momento de Catelyn foi tão fantástico, e Michelle é uma atriz tão grande, trazê-la de volta como uma zumbi que não fala parecia uma perda de tempo", completou.

O que você achou dessa explicação?

Game of Thrones: showrunners explicam ausência de Lady Stoneheart