Uma Thurman quebra o silêncio sobre Harvey Weinstein: “eu também”

Imagem de: Uma Thurman quebra o silêncio sobre Harvey Weinstein: “eu também”

A atriz Uma Thurman quebrou o silêncio sobre o caso Harvey Weinstein, se juntando ao coro de mulheres que sofreram assédio sexual na indústria de Hollywood.

Thurman, que trabalhou em filmes produzidos por Weinstein (via selo Miramax), como Pulp Fiction e Kill Bill, comentou seu ódio e repúdio ao produtor.

No mês passado, a atriz havia comentado em uma entrevista que sentia muita raiva para falar e estava esperando se acalmar para se expressar melhor.

Agora, em uma postagem no Instagram, Thurman escreveu:

“Hoje agradeço por estar viva, por todos aqueles que amo e por todos aqueles que têm a coragem de defender os outros. Eu disse que estava com raiva recentemente, e eu tenho alguns motivos - #eutambém - caso você não tenha percebido pela expressão no meu rosto. Eu acho importante tomar seu tempo, ser justo, ser exato, então... Feliz Dia de Ação de Graças! Exceto para você, Harvey, e todos os seus conspiradores perversos - fico feliz que (o escândalo) esteja acontecendo devagar - você não merece uma bala!”

{@@blockquote class="instagram-media" data-instgrm-captioned data-instgrm-version="7" style=" background:#FFF; border:0; border-radius:3px; box-shadow:0 0 1px 0 rgba(0,0,0,0.5),0 1px 10px 0 rgba(0,0,0,0.15); margin: 1px; max-width:658px; padding:0; width:99.375%; width:-webkit-calc(100% - 2px); width:calc(100% - 2px);"@@}{@@div style="padding:8px;"@@} {@@div style=" background:#F8F8F8; line-height:0; margin-top:40px; padding:26.190476190476193% 0; text-align:center; width:100%;"@@} {@@div style=" background:url(data:image/png;base64,iVBORw0KGgoAAAANSUhEUgAAACwAAAAsCAMAAAApWqozAAAABGdBTUEAALGPC/xhBQAAAAFzUkdCAK7OHOkAAAAMUExURczMzPf399fX1+bm5mzY9AMAAADiSURBVDjLvZXbEsMgCES5/P8/t9FuRVCRmU73JWlzosgSIIZURCjo/ad+EQJJB4Hv8BFt+IDpQoCx1wjOSBFhh2XssxEIYn3ulI/6MNReE07UIWJEv8UEOWDS88LY97kqyTliJKKtuYBbruAyVh5wOHiXmpi5we58Ek028czwyuQdLKPG1Bkb4NnM+VeAnfHqn1k4+GPT6uGQcvu2h2OVuIf/gWUFyy8OWEpdyZSa3aVCqpVoVvzZZ2VTnn2wU8qzVjDDetO90GSy9mVLqtgYSy231MxrY6I2gGqjrTY0L8fxCxfCBbhWrsYYAAAAAElFTkSuQmCC); display:block; height:44px; margin:0 auto -44px; position:relative; top:-22px; width:44px;"@@}{@@/div@@}{@@/div@@} {@@p style=" margin:8px 0 0 0; padding:0 4px;"@@} {@@a href="https://www.instagram.com/p/Bb2h0hBlV3T/" style=" color:#000; font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; font-style:normal; font-weight:normal; line-height:17px; text-decoration:none; word-wrap:break-word;" target="_blank"@@}H A P P Y T H A N K S G I V I N G I am grateful today, to be alive, for all those I love, and for all those who have the courage to stand up for others. I said I was angry recently, and I have a few reasons, #metoo, in case you couldn’t tell by the look on my face. I feel it’s important to take your time, be fair, be exact, so... Happy Thanksgiving Everyone! (Except you Harvey, and all your wicked conspirators - I’m glad it’s going slowly - you don’t deserve a bullet) -stay tuned Uma Thurman{@@/a@@}{@@/p@@} {@@p style=" color:#c9c8cd; font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; line-height:17px; margin-bottom:0; margin-top:8px; overflow:hidden; padding:8px 0 7px; text-align:center; text-overflow:ellipsis; white-space:nowrap;"@@}A post shared by Uma Thurman (@ithurman) on {@@time style=" font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; line-height:17px;" datetime="2017-11-23T20:58:24+00:00"@@}Nov 23, 2017 at 12:58pm PST{@@/time@@}{@@/p@@}{@@/div@@}{@@/blockquote@@} {@@script async defer src="//platform.instagram.com/en_US/embeds.js"@@}{@@/script@@}

Veja também:Uma Thurman sobre assédio sexual em Hollywood: “quando eu estiver com menos ódio, eu falo”

Nada melhor do que uma imagem da Noiva vingativa deKill Bill para expressar esse sentimento revoltante, não é mesmo?

Uma Thurman quebra o silêncio sobre Harvey Weinstein: “eu também”