The Flash: showrunner da série comenta luto do super-herói

Minha Série
Imagem de: The Flash: showrunner da série comenta luto do super-herói

A 6ª temporada de The Flash retornará dia 04 de fevereiro nos Estados Unidos, em um episódio mais sombrio situado após os eventos de Crise nas Infinitas Terras, devido à morte de Oliver Queen (Stephen Amell), em Arrow.

Sobre esse assunto, Eric Wallace, showrunner da série, comentou ao TV Guide o peso que o acontecimento trouxe ao protagonista e como ele lidará com os sentimentos em conflito.

“Ele estará pronto para aproveitar a vida e muito feliz em ter uma segunda chance. Porém, acredito que também estará presente um sentimento de ‘culpa de sobrevivente’, por conta da morte de Oliver, que irá assombrá-lo por um tempo. O modo como você lida com uma tragédia é através de manter, abraçar e celebrar os entes queridos em sua vida”, disse o executivo.

“Eu acho que essa é uma lição que Barry terá de reaprender durante toda essa temporada, começando com o novo episódio”, completou. Para isso, Barry (Grant Gustin) terá o apoio de Diggle (David Ramsey), que o visitará para ajudar a superar a dor da perda de uma figura importante para os dois.

Barry Allen (Grant Gustin) e Iris West (Candice Patton) em cena de The Flash. (Fonte: IMDb/Reprodução)

A importância de histórias paralelas

Sobre os diferentes arcos de personagens na série, a intenção dos produtores é a de dar o mesmo nível de importância para cada uma. A primeira metade da 6ª temporada de The Flash começou a adentrar o mistério da organização de meta-poderosos, conhecida como Maelstrom.

Já em seu retorno, a atração continuará a desenvolver mais essa investigação, com Iris (Candice Patton) no centro dessa trama.

“Quanto às investigações do Maelstrom, o que eles irão descobrir é que é um mundo muito maior, com vários desdobramentos, quase uma conspiração", declarou Wallace.

Texto escrito por Ricardo de Carvalho Isídio via Nexperts. 

The Flash: showrunner da série comenta luto do super-herói