Katy Keene: Lucy Hale e Michael Grassi falam sobre a season finale

Minha Série
Imagem de: Katy Keene: Lucy Hale e Michael Grassi falam sobre a season finale

Chegou ao final a 1ª temporada de Katy Keene, spin-off de Riverdale, com muitas emoções, reviravoltas e, é claro, muito drama adolescente. Pode se dizer que a temporada de estreia teve muito do que um fã do universo Riverdale poderia esperar: suspense, romance e, obviamente, muito crossover com a série que a originou. 

A season finale da temporada foi um poço de surpresas e, para entender um pouco mais as entrelinhas, o Minha Serie decidiu apresentar as opiniões da atriz principal, Lucy Hale, e do showrunner da série, Michael Grassi, sobre alguns dos eventos mais marcantes do episódio final. 

(Fonte: The CW/Reprodução) The CW/Reprodução

Os dois comentaram sobre alguns plots da temporada em uma entrevista concedida ao site TV Line

A entrada de personagens de Riverdale

Já sabemos que o seriado é um spin-off, mas os crossovers são sempre uma ação arriscada. A série contou com dois crossovers bem pesados, trazendo personagens de Riverdale para Katy Keene. O primeiro deles é a presença de Josie (Ashleigh Murray), que segundo o showrunner Grassi, que teve o intuito de fazer a personagem brilhar e aparecer mais. 

A expectativa é trazer à tona um pouco de como o sucesso chegou para ela e a banda, mas, principalmente, como o grupo original se formou. Grassi diz que a ideia é muito mais falar "sobre a escalada para o sucesso, e não sobre o sucesso atual". 

Porém, a presença mais marcante e chocante foi a entrada de Hiram Lodge (Mark Consuelos) no meio do rebuliço de Nova York. A ideia, segundo Grassi, era trazer um vilão que pudesse apimentar as coisas, mas os fãs podem ficar tranquilos, pois ele terá que se adaptar ao universo do spin-off! 

(Fonte: The CW/Reprodução) The CW/Reprodução

A aparição de Hiram na adega da família de Ginger Lopez (Jonny Beauchamp) deixou o público em choque e a atriz Lucy Hale empolgada para trabalhar com o ator no futuro. Ela lamentou que não fazia parte da cena! Empolgante imaginar como será a relação entre o vilão e uma das amigas de infância de sua filha!

A despedida de Katy e K.O

Uma das cenas mais marcantes do final da 1 ª temporada foi o adeus entre os pombinhos, que deixou muitos fãs extremamente tristes. Entretanto, a atriz acredita que foi a decisão certa. Hale admite que o gostinho é meio agridoce, mas que prefere que a personagem seja forte e diga adeus em vez de correr atrás de um rapaz igual na maioria dos casos. 

(Fonte: The CW/Reprodução) The CW/Reprodução

Lucy Hale também confessou que o sentimento de Katy era meio misturado e que um egoísmo queria que K.O (Zane Holtz) ficasse, mas, no final das contas, a atriz ainda acredita que os dois podem acabar juntos. 

O showrunner Michael Grassi vai por outro caminho e diz que a cena é sobre o fato de que K.O está indo perseguir o sonho dele e não há nada que Katy possa fazer sobre isso!

Encontramos o pai de Katy?

Leo Lacy (Cary Elwes) rouba a cena com a possibilidade de ser o pai de Katy Keene, mesmo que ninguém confirme isso. Grassi contou apenas que o personagem será muito bem utilizado e que todos estavam muito empolgados para trabalhar com Cary.

(Fonte: AXN/Reprodução) AXN/Reprodução

Lucy Hale também não confirmou nada, mas deixou escapar uma opinião de que Leo é, sem dúvidas, um forte candidato para ser o pai de Katy. Pelo visto, o final da temporada deixou muitas coisas pelas quais esperar na próxima season da série, não é mesmo?

Texto escrito por Gabriel Witiuk Lopes via Nexperts.

Fontes

Katy Keene: Lucy Hale e Michael Grassi falam sobre a season finale