Em julho deste ano, saiu a bomba de que a Microsoft demitiria até 18 mil funcionários ao longo de 2014, especialmente por conta da reestruturação do setor mobile da empresa após a compra da Nokia. A primeira leva já passou e cumpriu mais da metade da meta, com 13 mil dispensas, enquanto a segunda onda, no mês passado, levou até 2.100 pessoas para a rua. A terceira rodada de demissões foi anunciada nesta quarta-feira (29).

De acordo com o site Geekwire, foi anunciada a dispensa de 3 mil funcionários da força de trabalho da Microsoft ao redor do mundo — "quase completando" a meta inicial, segundo a companhia, que estabeleceu um prazo interno para o fim das demissões para julho de 2015. Os cargos seriam de suporte em áreas como finanças, recursos humanos, vendas e marketing.

A curiosidade é que 638 dos funcionários mandados embora são da região de Seattle, a terra natal da Microsoft. A empresa empregava 42.500 pessoas na região até setembro — mas tanto a última rodada de demissões quanto a atual tiveram lá o seu ápice.

Cupons de desconto TecMundo: