A Sony revelou na madrugada desta sexta-feira (2) uma notícia que tem potencial de mudar muito a forma como ela trabalha. Kazuhiro “Kaz” Hirai vai deixar o cargo de CEO no dia primeiro de abril deste ano, marcando o fim de seu ciclo de seis anos à frente da posição — a qual chegou após o sucesso obtido comandando a linha PlayStation.

A companhia já revelou que o substituto de Kaz será Kenichiro Yoshida, que atualmente desempenha a função de chefe financeiro da companhia japonesa. Ele ajudou Hirai a “virar o jogo” para a empresa com a iniciativa “One Sony”, que simplificou processos de produção e eliminou linhas de produto deficitárias como forma de aumentar lucros.

Kaz Hirai

“Acredito que ele possui a largura de experiência e perspectiva, assim como as qualidades inerentes de liderança necessárias para gerenciar a gama diversa de negócios da Sony”, afirmou Hirai sobre Yoshida. “Como Presidente, eu com certeza vou oferecer meu suporte total ao Sr. Yoshida e o novo time de gerenciamento, e fazer tudo o que posso para assegurar uma transição suave e assegurar seu sucesso futuro”.

Hirai começou sua carreira na Sony Music Entertainment Japan em 1984 e passou a trabalhar na Sony Computer Entertainment em 1995, auxiliando no sucesso do PlayStation e do PlayStation 2. Ele foi promovido a chefe da divisão em 2006 duas semanas após o lançamento do PlayStation 3, que, na época, sofria duras críticas em relação a seu preço e ao desempenho de games third party.

A mudança de cargo ocorre somente alguns meses depois de Andrew House, que substituiu Hirai em 2011 como chefe do PlayStation, anunciar sua saída da Sony. As alterações não significam necessariamente problemas para o negócio de consoles da empresa (o PlayStation 4 continua a vender muito bem), mas elas podem servir como indício de que ela pode apostar em estratégias diferentes a partir de agora.

Fim de uma era: Kaz Hirai deixará cargo de CEO da Sony via Voxel

Cupons de desconto TecMundo: