(Fonte da imagem: ArsTechnica)

Kim Dotcom, o fundador do site Megaupload, relatou nesta semana em depoimento no tribunal da Nova Zelândia que sofreu agressões por parte dos policiais que efetuaram a sua prisão. Segundo ele, a equipe não estava uniformizada e, por conta disso, Dotcom ficou com medo, pegou uma arma e se trancou no “quarto do pânico”.

“Tomei um soco no rosto e fui chutado enquanto estava no chão”, destacou Dotcom. “Um cara pisou na minha mão e deixou minha unha sangrando, foram bastante agressivos”, completou. Apesar das reclamações, o fundador do site teve o seu pedido de fiança negado pela justiça. Ele insistiu que não tem vontade de fugir do país, apenas quer estar ao lado de sua esposa, que está grávida, e dos seus três filhos pequenos.

Kim Dotcom destacou ainda que não há fundos secretos deixados em outras contas bancárias. “Tudo foi apreendido”, afirmou. “Eu não vou fugir, apenas quero lutar contra essas alegações em igualdade de condições, tendo uma boa chance de me defender”, concluiu.

Cupons de desconto TecMundo: