Como já comentamos, os rumores indicam que a Apple vai lançar três modelos de smartphones neste ano: iPhone 7s, iPhone 7s Plus e iPhone 8, este último para comemorar os 10 anos de vida da linha celular. Com isso, o trem do hype está apitando forte e diversos rumores vêm em alta velocidade.

O último deles indica que o iPhone 8, que deverá dispor de uma tela OLED, contará com uma tecnologia de ultrassom para suportar a presença do Touch ID — que apareceu em gerações anteriores do iPhone.

Será que a Apple terá a coragem para inovar?

A tela, aliás, será o verdadeiro ponto de destaque e de "coragem" da Apple: OLED, ela deve recobrir grande parte da área frontal no iPhone 8, como alguns aparelhos Android (caso do LG G6 e Xiaomi Mi MIX).

Exatamente por causa da tela "maior", a Apple terá que remover o botão Home, mas perder a capacidade do sensor de impressão digital. Por isso, uma fonte da indústria celular, segundo o Digitimes, comentou que a Maçã foi atrás de uma tecnologia de ultrassom (algoritmo Authentech e tecnologia de identificação Privaris) para identificar os dedos dos usuários.

iPhone 8 será produzido em setembro

Para reforçar o rumor, a Apple até possui uma patente que detalhe como a tecnologia de ultrassom funciona em dispositivos móveis. A questão que fica agora é: isso vai atrasar o lançamento, já que é algo novo?

Segundo o Digitimes, sim. Os iPhones 7 e 7s devem entrar na linha de produção em julho, enquanto o iPhone 8, apenas em setembro. Acredita-se que a fábrica responsável pelo iPhone 8 com T ultrassom será a TSMC.

Cupons de desconto TecMundo: