(Fonte da imagem: Reprodução/Decolar.com)

O Sindicato das Empresas de Turismo no Estado de São Paulo (Sindetur-SP) puniu na última segunda-feira (12) o site Decolar.com por este ter feito propagandas consideradas enganosas. A partir de agora, o serviço não é mais listado entre os afiliados à associação devido à maneira como tem ludibriado consumidores.

O Sindetur afirma que a empresa não mostra preços verdadeiros das viagens que oferece, algo que só é revelado no momento em que o consumidor finaliza sua compra. Isso impede que ocorra a comparação de serviços idênticos ofertados por locais diferentes, o que prejudica a livre concorrência.

O Decolar.com tem 15 dias para se justificar perante as acusações e um prazo de 180 dias para mudar as suas condutas — se isso não acontecer, a página poderá ser punida em caráter permanente pelo sindicato. A empresa se defende afirmando que seu modelo de negócios está de acordo com o Código de Defesa do Consumidor e que não concorda com o posicionamento da entidade.

"A Decolar.com respeita o consumidor, possibilitando ao usuário pesquisar e ver qual a melhor condição de mercado. Sendo assim, no momento do fechamento da compra de qualquer bilhete/hotel, o consumidor sabe de modo discriminado o que está sendo cobrado. No site, o consumidor tem a oportunidade de antes de fechar o negócio visualizar os valores cobrados por companhias”, afirmou a companhia em um comunicado.

Cupons de desconto TecMundo: