No Japão, um dos blogueiros mais conhecidos do país foi assassinado por um de seus seguidores apenas alguns minutos depois de sair do local onde participava de uma palestra sobre como lidar com mensagens abusivas recebidas pela internet. A vítima foi identificada como Kenichiro Okamoto, especialista em cibersegurança mais conhecido pelo nome Hagex, que ele utilizava no ambiente online.

Após sair da palestra, Okamoto foi a um banheiro público próximo do local. Lá, ele foi surpreendido por Hidemitsu Matsumoto, um homem desempregado de 42 anos. Matsumoto matou Okamoto com uma série de facadas no pescoço e no peito e fugiu do local em uma bicicleta. Ele acabou se entregando para a polícia três horas depois e confessando o crime. O blogueiro chegou a receber atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos.

O homem acusado de assassinato era conhecido por enviar constantemente mensagens abusivas direcionadas ao blogueiro.

A polícia acredita que os dois nunca tinham se encontrado pessoalmente, mas tudo indica que o homem acusado de assassinato era conhecido por enviar constantemente mensagens abusivas direcionadas ao blogueiro. Matsumoto discordava de alguns textos que eram publicados no site e criava contas diferentes para ofender tanto o escritor como outras pessoas que frequentavam a seção de comentários do blog.

Parte da motivação do assassinato teria surgido do fato de Matsumoto ser citado nos textos, nos quais era chamado de “troll de internet” pelo autor. Além deste crime, ele vai responder por violar as leis de controle de armas e espadas do Japão.