Qual é a certa para você? (Fonte da imagem: Unicom)

No começo da revolução tecnológica, acreditava-se que o papel estava com os dias contados. Ledo engano: hoje, o papel continua firme e forte em nossas vidas, sendo utilizado em larga escala nas empresas, indústrias, comércio, instituições escolares e residências.

É por isso que as impressoras sobrevivem, afinal, quem nunca precisa imprimir uma conta, um documento ou um trabalho da escola/faculdade? Ainda é cedo para dizer adeus a essas máquinas e definitivamente precisamos de uma impressora em casa.

A grande dúvida é: qual impressora comprar? Jato de tinta ou a laser? Precisa ter Wi-Fi? Qual marca é a melhor? Neste pequeno guia, vamos dar algumas dicas para você não errar na escolha e adquirir a impressora certa para a sua vida.  

Pontos que precisam ser decididos

1. Identifique as necessidades

Faça a si mesmo algumas perguntas básicas:

Você costuma imprimir muita coisa?

Esses materiais serão impressos em cores ou em preto e branco?

Você pretende imprimir fotografias ou apenas documentos?

Quanto você pode gastar?

(Fonte da imagem: Ideias e Desaforos)

2. Impressora a jato de tinta ou laser?

Os equipamentos a jato de tinta formam a família mais comum de impressoras, capazes de fazer impressões coloridas. Essas impressoras são mais rentáveis, mas tem desvantagens também, Os cartuchos custam em média R$ 50 (originais) e imprimem cerca de 200 folhas (média de 0,25 centavos por folha). Mas, se uma impressora não é utilizada por algum tempo, a tinta pode secar, aumentando assim o custo por página.

Impressoras a laser devem ser consideradas quando é preciso imprimir um grande volume de páginas por mês. Os toners desse tipo de impressora são mais caros: custam em média 100 reais, mas varia muito de marca para marca e podem chegar a valores considerados bem altos. A vantagem é que a tinta não seca da mesma forma que os cartuchos para impressoras a jato de tinta, mas esses modelos gastam mais energia.

3. Conexão USB, Ethernet ou Wi-Fi?

Se você está planejando conectar seu PC de mesa à impressora, escolha modelos com conexão USB. Se você pretende conectar vários computadores em um único equipamento, utilize a conexão ethernet.

Agora, se você quer colocar a impressora em um lugar distante do computador ou várias pessoas na sua casa utilizam notebooks, ou ainda os computadores ficam longes um do outro, a conexão Wi-Fi é a melhor pedida.

4. Multifuncionais

Se você precisa fotocopiar arquivos (tirar xerox), digitalizar documentos, enviar fax (sim, ele ainda é usado!) e, claro, imprimir, então a melhor opção é comprar uma impressora multifuncional. Mas tenha certeza que você precisará de todos esses serviços, senão o dinheiro será jogado fora.

(Fonte da imagem: Maxximus)

Alguns fatores decisivos na hora de comprar

Resolução

Existem duas resoluções comuns para impressoras: 600 dpi e 1200 dpi. Quanto maior a resolução, mais nítidas serão as impressões. Se você precisa principalmente imprimir documentos de texto, a resolução de 600 dpi é suficiente. Mas, para imprimir imagens e gráficos, as impressoras com resolução 1200 dpi são mais indicadas.

Marcas

Há diversas marcas de impressoras disponíveis no mercado, como HP, Canon, Epson, Samsung, Lexmark, entre outras. Nós sugerimos que você adquira uma marca que ofereça suprimentos, peças e assistência técnica fáceis de encontrar.

Drivers

A maioria das impressoras é vendida juntamente com CDs para a instalação dos drivers necessários para o Windows. Mas, caso você esteja usando um Mac ou o Linux, verifique isso antes de comprar.

Recargas

Aconselhamos a compra de cartuchos originais. Evite fazer recargas com cartuchos remanufaturados, pois eles podem anular a garantia da impressora. Se você quiser usar um cartucho qualquer de um terceiro, verifique antes, no site da fabricante da impressora, as marcas recomendadas.