Desenvolvidas por John Edmark, professor de design na Universidade de Stanford, nos EUA, parece que estas esculturas que você verá no vídeo acima estão vivas. Na forma de cones e girassóis, Edmark projetou os itens utilizando uma impressora 3D.

Porém, para entregar a impressão de que elas estão vivas, foi utilizada uma técnica de filmagem: os objetos têm sua imagem captada sob luz estroboscópica e com uma câmera com obturador em alta velocidade de 1/4000 segundo.

Além do uso de impressoras, Edwark se inspirou na sequência de Fibonacci durante a execução do projeto. Na matemática, é uma sucessão de números inteiros, na qual cada termo subsequente é a soma dos dois anteriores.

Cupons de desconto TecMundo: