Nova tecnologia pode "turbinar" impressoras 3D

1 min de leitura
Imagem de: Nova tecnologia pode "turbinar" impressoras 3D
Avatar do autor

(Fonte da imagem: Reprodução/Waz)

Há alguns anos, impressoras 3D eram equipamentos exclusivos para a utilização em fábricas e somente pelas empresas que tinham a autorização correta para o uso delas. No entanto, em 2009, diversas patentes venceram e esses aparelhos puderam ser vendidos para qualquer tipo de pessoa — por mais que o preço ainda seja relativamente alto.

Acontece que, agora, outra “rodada” de patentes está para vencer, de modo que é bem provável que as impressoras 3D sofram algumas melhorias em um futuro próximo. Por conta disso, há grandes chances de que uma tecnologia chamada Selective Laser Sintering (SLS) comece a ser utilizada em larga escala.

Com isso, as impressoras 3D disponíveis no mercado vão poder criar objetos com uma qualidade bem maior — a definição dessas criações deve melhorar bastante, sem resultar em “traços” serrilhados e perda de detalhes. Contudo, não há como confirmar esses boatos, sendo necessário esperar até que notícias mais concretas sejam divulgadas.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Nova tecnologia pode "turbinar" impressoras 3D